Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Buscar   OK
Brasil
Publicada em 05/12/17 as 11:18h - 973 visualizações
Família passa a noite com corpo de um idoso do lado de fora da Santa Casa, após médico legista se recusar a realizar

Radio Sam Fm


 (Foto: Radio Sam Fm)
Na madrugada desta terça-feira nossa equipe foi acionada por uma família da cidade Formiga/MG, que nos relatou ainda por telefone que o médico legista de plantão não quis realizar a necropsia em sr. que estava em uma urna do lado de fora da Santa Casa sem qualquer estrutura. 
Nossa equipe foi até o local onde segundo informações do filho, Sebastião Alves Arantes de 66 anos, morador da cidade de formiga/MG havia falecido por volta das 19h50min no Hospital de Oliveira/MG e que o próprio médico de lá já havia agendado a necropsia aqui na cidade de Campo Belo.
 
Mas ao chegarem na delegacia de Polícia Civil de Campo Belo, por volta das 23h30min realizaram o requerimento da necropsia e solicitaram a presença do médico legista que se negou a comparecer na Santa Casa onde são realizadas as necropsias, que só se realiza esse procedimento durante o dia.
A recepcionista ligou para o médico legista de plantão Dr. Haroldo, que disse não realizar a necropsia no período da noite. O corpo ficou do lado de fora da Santa Casa sem local adequado e exposto ao descaso, sendo que o médico disse que o local é inadequado para realização de necropsias, pois não possui iluminação e é muito apertado.
A família que além de morar fora passou pelo constrangimento de ter que permanecer com o corpo de um familiar sem local apropriado e no descaso dos órgãos competentes. A família solicitou ajuda junto a Polícia Civil onde o Delegado entrou em contato com médico por telefone, onde o mesmo disse que não viria, alegando o Delegado que não tem poder para faze-lo vir. A família sentiu que foram tratados com descaso, pois se fosse uma pessoa influente já havia resolvido.
Segundo informações levantadas pelos familiares já foram realizadas necropsias no período noturno, mas no caso deles o médico se recusou a vir.
Os familaires ficaram sem saber o que fazer, ficaram com o corpo do sr. na porta da Santa casa, que queriam que se resolvessem, pois o mesmo iria ser velado em Formiga/MG, mas ficaram dependendo de um médico que se recusou a atender em seu horário de plantão que é das 19 horas ás 07 horas.
 
a família além de passar pela dor de perder um familiar teve que passar pelo descaso de um médico que se recusou a realizar seu trabalho. A família permaneceu na porta da Santa Casa onde teve que aguardar do lado de fora com o corpo, pois a Santa Casa não pode receber o corpo pois o médico legista não estava presente.
Campo Belo atende a região, e sente-se a falta de uma sede do IML em campo Belo, pois as necropsias são realizadas na Santa Casa o que deveria ser feito em um IML adequado, fica a questão será que já não é hora de os órgãos competentes olharem isso e tomarem providência.



Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

(35)99847-1197

Hora Certa
Publicidade Lateral
Estatísticas
Visitas: 100113 Usuários Online: 2


Fan Page

Parceiros
Relojoaria e Chaveiro Cardoso
Relojoaria e Chaveiro Cardoso
Casa de Carnes Bom Partor

Copyright (c) 2017 - Radio Sam Fm - Todos os direitos reservados